header
Pesquisa Avançada
Your search results

COMPRAR APARTAMENTO: POR ONDE COMEÇAR?

Mais M2 por Mais M2 em 20 de maio de 2019
COMPRAR APARTAMENTO: POR ONDE COMEÇAR?
Comentários aprovados:0

Comprar apartamento nunca é uma decisão fácil! Separamos algumas dicas para te ajudar a amadurecer esta ideia

Comprar apartamenxto também não é um processo rápido e simples. Muitas pessoas esperam até anos para decidir qual é a hora certa para comprar o seu. Está mais do que correto ter toda a calma do mundo antes de assumir um compromisso deste tamanho.

Comprar apartamento te protege de inúmeras situações incômodas que ocorrem quando você aluga um imóvel. O dinheiro utilizado para pagar o aluguel não tem nenhum retorno financeiro, como comprar imóvel possibilita, e os reajustes anuais sobre as parcelas encarecem o orçamento doméstico. Acrescente a essa situação a “instabilidade”, já que, se o proprietário quiser ele pode não renovar o contrato.

Comprar apartamento é quase sempre vantajoso

Um apartamento,  comprado usado ou novo, é um patrimônio que você pode usufruir por quanto tempo quiser e, se precisar, pode vender para adquirir outro. Muitas pessoas aproveitam as facilidades de pagamento para investir na compra de apartamentos na planta e gerar uma renda extra com o aluguel após a entrega das chaves. O mesmo vale também para apartamentos de temporada em cidades turísticas.

São escassos os argumentos que dizem que comprar um apartamento é uma desvantagem. Mas se o investimento é alto a ponto de colocar suas finanças pessoais em risco ou mesmo se você não pesquisou o suficiente para encontrar um imóvel que se encaixa nos seus planos de vida, é sempre bom parar e refletir um pouco mais para se planejar melhor e procurar uma opção mais vantajosa de compra.

Como começar a procura para comprar apartamento

Para iniciar a procura para comprar um apartamento é preciso estabelecer metas. O que você consideraria o apartamento ideal dentro das suas necessidades? Para isso, é importante avaliar seu contexto de vida e mapear estas necessidades. Como se trata de uma compra que impactará sua vida por décadas, também é fundamental pensar nos seu planos futuros e de sua família.

Dependendo dos seus planos futuros de vida – como ter filhos, por exemplo – a estrutura do condomínio e o número de cômodos ou tamanho do imóvel são fundamentais para evitar uma nova mudança de casa poucos anos após sua primeira compra. Imóveis com apenas um quarto podem ser pequenos demais; já os de três dormitórios podem se mostrar muito grandes e gerar custos desnecessários.

Uma escolha errada, sem considerar o impacto do novo apartamento no seu dia-a-dia, pode acabar aumentando o seu custo de vida e gerando descontrole financeiro. A localização do imóvel, por exemplo, é um destes pontos determinantes na hora de comprar apartamento. Caso escolha uma casa longe do seu local de trabalho e estudo, o custo com transporte é uma questão a se colocar na calculadora. Pense em cada detalhe. Não apenas na questão financeira. Qualidade de vida também deve ser levada em conta. Lembre-se: é o seu novo apartamento que deve entrar na sua rotina de trabalho e estudos, não é sua rotina que precisa se adaptar ao seu novo lar.

É fundamental ter isso em mente pois, apesar da compra de um apartamento ser uma decisão necessariamente racional, os fatores emocionais pesam muito. Muitas vezes mais do que deveriam. É comum um comprador ficar tão encantado com alguma característica de um imóvel que acaba tomando uma decisão precipitada e até pagando um preço alto por isso. É exatamente isso que você não deve fazer.  Observe se a residência está perto de farmácias, supermercados e até escolas. Consulte seus possíveis futuros vizinhos em relação às condições do trânsito na região e se a vizinhança é tranquila e segura.

O momento da escolha do apartamento

A escolha na hora de comprar apartamento depende do seu contexto. É possível achar atrativo o valor e financiamento de um apartamento na planta, mas se você não pode esperar meses ou até anos pelo término da obra, esta não é uma opção. Já comprar um apartamento novo significa mudar imediatamente, mas desembolsando um valor bem mais alto. Enquanto isso, um apartamento usado tem um custo menor na compra e possibilita a mudança imediata, mas exige verificação da conservação do imóvel e do condomínio e possíveis custos com reforma e manutenção mais frequentes. Ou até possíveis problemas jurídicos caso sejam descobertas “surpresas” na estrutura do prédio.

Independentemente de um apartamento na planta, novo ou usado, se atentar à credibilidade da construtora é fundamental. Procure informações com compradores, pesquise na internet, visite outros imóveis construídos pela mesma empresa, verifique se não está localizado numa área de proteção ambiental ou até que possa ser desapropriada futuramente para obras públicas – como a construção de um metrô, por exemplo. Tenha certeza de que a situação do prédio e da construtora é regular perante os órgãos do governo.

Caso esteja de olho num imóvel novo, observe cada detalhe de cada cômodo. Leve em consideração os materiais usados no acabamento como torneiras, maçanetas, luminárias, piso, azulejos e armários embutidos nos quartos e na cozinha. Pense que, quanto menor a qualidade, mais cedo você terá que fazer a manutenção. Quanto melhor a qualidade, mais duradouros.

O segredo aqui está na praticidade. Quanto mais práticos forem os sistemas elétricos e hidráulicos – como a quantidade necessária de saídas de água e interruptores, por exemplo – menor será a necessidade fazer mudanças e adequações na residência. Quanto mais novos, melhor. Neste momento de análise do imóvel novo, gastos com uma possível manutenção devem estar sempre em mente.

O momento de decisão da compra de um apartamento é a hora de pesar tudo que pode agregar valor ao patrimônio. Condomínios de construtoras atentas às exigências do mercado oferecem muita comodidade aos moradores. Áreas de lazer completas, salão de festa, academia, portaria 24 horas, monitoramento com circuito interno, etc. Muitos destes itens podem não só agregar ao valor do imóvel para uma futura venda, mas também ajudam a economizar no dia a dia. Afinal, não há porque pagar uma academia se você tem uma dentro do seu condomínio.

Conheça o Vila Nova Sabará

Separamos uma sugestão para você que está pensando em comprar apartamento na região da Av. N. Sra do Sabará, em São Paulo:

O Vila Nova Sabará é um condomínio completo, amplo e moderno para você e sua família. Apartamentos de 2 e 3 dormitórios com suíte, 1 ou 2 vagas, mais de 10 itens de lazer para você aproveitar sem ter que sair de casa., e localização privilegiada. O bairro é cercado por importantes e principais vias da cidade de São Paulo, como a Marginal Pinheiros, Av. Washington Luís e Av. Interlagos. Possui infraestrutura completa de comércios, supermercados, escolas e universidades, além dos Shoppings SP Market, Market Place, Interlagos e Morumbi.

Clique aqui e saiba mais sobre o Vila Nova Sabará!

Se você gostou deste conteúdo e quer tirar mais dúvidas sobre como comprar apartamento, cadastre-se na nossa newsletter e saiba mais sobre o mercado imobiliário. Ou se preferir um atendimento personalizado, de acordo com o seu momento, para encontrar o imóvel ideal, fale agora com um especialista da Mais M2.

Compartilhar

Comparar